GeralÚltimas Notícias

Ataques aéreos em campo de refugiados na Cisjordânia matam ao menos 13 pessoas, diz ONU

Pelo menos 13 palestinos, incluindo cinco crianças, foram mortos em uma operação das forças de segurança israelenses, que durou 28 horas em um campo de refugiados na Cisjordânia, segundo a Agência das Nações Unidas de Assistência e Obras aos Refugiados da Palestina no Oriente Próximo (UNRWA).

A operação ocorreu em Nur Shams, disse o diretor da UNRWA na Cisjordânia, Adam Bouloukos.

A declaração acrescenta que a UNRWA suspendeu escolas, serviços de saúde e recolha de resíduos sólidos no campo.

No início do dia, o Ministério da Saúde palestino informou que pelo menos 84 palestinos foram mortos na Cisjordânia ocupada desde 7 de outubro.

Desde o início da guerra de Israel, uma crise humanitária cada vez mais profunda se instala na Faixa de Gaza, com um cerco israelense impedindo o acesso a recursos críticos e ataques aéreos que mataram pelo menos 4.385 pessoas, segundo o Ministério da Saúde palestino.

 

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Fonte da matéria: CNN Brasil

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo